Igreja cria abrigos provisórios para população em situação de rua em Maceió

Arquidiocese de Maceió, em parceria com a prefeitura da capital alagoana, vai disponibilizar 240 vagas para pessoas que vivem em situação de rua em dois abrigos provisórios. A ação tem o objetivo de evitar que essa população mais vulnerável seja contaminada pelo novo coronavírus.

Em funcionamento até o fim da emergência devido à pandemia, os dois imóveis – uma casa alugada e uma escola – devem começar a receber os beneficiários nesta quarta-feira (25).

Para chegar até os moradores que vão precisar ser separados ou tratados, equipes da prefeitura estão atuando nas ruas.

“Estaremos realizando triagem com as equipes do projeto Consultório na Rua, da Secretaria de Saúde, para ver as condições de cada um deles. Aqueles que apresentarem algum sintoma serão encaminhados para unidades de saúde” explica a diretora de Proteção Social Especial da Secretaria de Assistência Social, Sheyla Barros.

De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde, Alagoas tem 120 casos suspeitos e oito confirmados da Covid-19.

Com informações do UOL e foto da Secretaria de Assistência Social de Maceió

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*